Tag: saude

Dia Nacional Ao Combate do Colesterol

Você sabia que no dia 08 de agosto é comemorado o Dia Nacional ao Combate do Colesterol? Considerado como a principal causa de infarto agudo do miocárdio e de acidente vascular cerebral (derrame) isquêmico nos idosos, por apresentar muita gordura no organismo, o dia para o alerta da prevenção deve ser visto como essencial.

Estar ciente de que o alto índice de colesterol no corpo faz mal e pode levar a uma série de doenças e problemas fazem com que os adultos e principalmente a terceira idade mude alguns hábitos alimentares para preservar a saúde.

Dia Nacional ao Combate do Colesterol

Segundos nutricionistas, a atenção fica no perigo de vários alimentos, em especial o consumo de carnes muito gordurosas, como carne de porco e linguiças, mas também queijo amarelo, biscoitos, pizzas, salgados e comidas fritas. Troque tudo isso por peixes, que são excelentes para ajudar no controle do colesterol.

Vale ressaltar ainda que o colesterol é usado para a produção de vitamina D, hormônios, e ácido biliar, ajudando na digestão de quem consume muita gordura. E apesar de ser conhecido como o vilão de doenças cardíacas, o colesterol na taxa certa é necessário para o bom funcionamento do corpo humano, mas lembre-se: Não exagere e sempre faça exames de controle.

Mas o que posso comer para manter o colesterol estabilizado?

Sempre procure comer mais frutas, vegetais e cereais integrais, pois eles são ricos em fibras e substâncias antioxidantes. Além disso, alimentos que contém ômega 3 influenciam muito no fortalecimento dos ossos, peixes marinhos como atum, salmão, entre outros, contém essa substância.

Reduza a quantidade de sal colocada nos temperos, bem como na hora de temperar salada e carnes. Evite alimentos com alta taxa de gordura, como gema de ovo, fígado, frituras, carnes gordas e laticínios integrais.

Opte por uma vida saudável. Pratique exercícios, coma bem e com toda certeza o seu colesterol não será um problema quando a melhor idade chegar.

Você sabe a diferença entre um asilo e uma clínica de tratamento?

Angeluz

Estudos apontam que o começo deste ano foi marcado como o início de um novo capítulo na história do país, pois uma pesquisa realizada pela Organização Mundial da Saúde indica que até dezembro de 2015, a população de crianças de até cinco anos será ultrapassada pela faixa de idade daqueles que possuem mais de 65 anos.

Ou seja, preparados ou não para este boom, os brasileiros precisam se conscientizar de que as casas voltadas para os idosos farão parte de um futuro bem próximo, já que os índices indicam que o Brasil em 2025 será o país mais velho do mundo.

Porém, engana-se quem acha que casa de repouso é um lugar de maus tratos aos idosos.  Asilo, assim chamado às instituições de assistência social, é abrigo para sustento ou educação, tanto idosos quanto crianças. E geralmente, quando se trata de idosos, os asilos possuem ou contratam pessoas que gostam de trabalhar com pessoas da terceira idade.

Muitos desses lugares recebem doações de pessoas de fora, que doam não só carinho e amor, mas também alimentos, roupas, equipamentos eletrônicos para que a infraestrutura de cada ambiente seja completa e que esses velhinhos sejam sempre muito bem recebidos e ocupem o tempo com um pouco de lazer, uma boa conversa e todo conforto que merecem.

Já a clínica de tratamento para idosos, como o próprio nome já diz, foi feita para receber e cuidar daqueles que precisam de ajuda. Dentro desse ambiente você pode encontrar médicos responsáveis, enfermeiros, quartos moldados para os mais velhos, refeições corretas, entre outras coisas, que beneficiam a melhor idade, principalmente a saúde de cada paciente.

E por mais que muitos fatores influenciem na decisão de levar ou não algum idoso para esses estabelecimentos, às vezes se faz necessário alguém com mais experiência que você cuidar de quem precisa de um pouco mais de atenção.

E o idoso que chega a uma fase de debilidades, seja por conta de doenças ou emocional, precisa ter alguém que dedique seu tempo integralmente a ele. Por isso, tanto o asilo quanto às clínicas de tratamento podem ser boas alternativas.

Pense nisso!

 

Angeluz – Hotel e Residência para Idosos Rua Antônio Abdo, 200 – Taveirópolis (em frente à Praça Elias Gadia)
Tel.: (67) 3331-0155
hotelresidenciaangeluz@hotmail.com

2014 © - Angeluz - Todos os direitos reservados.